Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

12
Ago09

JoÃo GOMES E A POLÉMICA DA BANDEIRA


Pedro Quartin Graça

A bandeira monárquica colocada na Câmara Municipal de Lisboa pelo 31 de armada foi em primeiro lugar um gesto de bom humor, serviu para agitar a silly season e para levantar a discussão sobre o regime em que vivemos. Este simples gesto de irreverência fez mais pela causa monárquica nos útlimos de 10 anos, do que a panóplia de associações monárquicas que por aí existem - e digamos em abono da verdade, que na sua esmagadora maioria mais não são do que clubes privados de organização de festas à antiga. Os monárquicos sempre foram vistos como os meninos queques, a maltinha da catequese, as raparigas bonitas do verão de S. Martinho do Porto, os Srs. de bigode retorcido das praças de touros e os fadistas boémios perdidos de madrugada nas ruas de Alfama. Com este gesto o 31 da armada conseguiu apagar um pouco desta imagem - afinal há monárquicos com boa disposição, afinal há monárquicos jovens, afinal a monarquia é uma forma de activismo político, em que jovens até assaltam a varanda da Câmara Municipal de Lisboa para hastearem uma bandeira. O 31 da armada pôs os cafés do país a discutirem o regime, ninguém tenha dúvida que a maioria dos portugueses ficaram a saber das comemorações do centenário da república à custa de um blog. Quanto às questões legais, acho que o Manuel Salgado fez figura de parvo - desculpem a expressão mas não arranjei nenhum palavra melhor para adjectivar as declarações que saíram hoje no Público. O António Costa, esse teve sorte - estava de férias. Espero que os portugueses aproveitem estes 100 anos de república para debaterem o regime e espero que o 31 da armada nos continue a lembrar que existem monárquicos e que, como dizia o Miguel Esteves Cardoso, "são o maior partido clandestino em Portugal".

 

In: http://oamornostemposdablogosfera.blogs.sapo.pt/

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Publicidade

Comentários recentes

Links

_EM DESTAQUE

_RISCOS ASSUMIDOS

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D