Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

Milhões por fora

João Eduardo Severino, 20.02.09

Aquilo no BPN foi mais escandaloso que o caso Madoff. A pouco e pouco vai-se sabendo cada uma de bradar aos céus. Tudo era possível, penso eu, porque o Banco de Portugal tem servido apenas para uns certos senhores viverem à tripa forra. Regulação? Miragem. Inspecção? Miragem dupla. Sanções a prevaricadores? Miragem tripla. E no mundo das miragens o que parece ilusão é realidade. Só assim se explica que determinados felizardos passavam pelo BPN, tomavam uns whiskis com água de Castelo e umas pedrinhas de gelo, fumavam uns charutos e levavam em cash uns milhões para construirem uns prédios, abrirem umas farmácias e uns hotéis, viajarem por todo o mundo com a mulher, a segunda mulher e as acompanhantes de fim-de-semana. Os milhões eram levados e ninguém sabe onde páram. Eu, por acaso, sei onde algum desse dinheiro foi investido e, ontem, também alguém foi ao Parlamento e forneceu umas novidades.

1 comentário

Comentar post