Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

02
Fev09

Hoje pela manhã à hora marcada acordei assustado pelo despertador que troava  notícias sobre a crise e o desemprego, a propósito do processo de falência fábrica Qimonda, cujo nome até lembra o de um animal selvagem, uma cobra gigante, sei lá!
Numa altura em que a crise económica desce das congeminações politicas e dos artigos de jornais para a vida das pessoas e das suas famílias, o medo, esse possante sentimento animal, ganha terreno no nosso quotidiano. Isso preocupa-me muito. O medo é uma afecção psicológica muito estranha, quase perversa: tanto nos salva da morte à beira do precipício como nos inibe de alguma redentora conquista. O medo é o principal inimigo da realização humana, e o maior adversário da liberdade individual.
O medo medra bem num contexto de crise como o presente, e é potenciado pelo deficit cultural e pela fraca auto estima duma pessoa ou dum povo. O medo liquida a democracia. E se o medo potencia a inércia e a omissão, também acciona a violência irracional. Concluindo, parece-me que esse terrível sentimento existe para ser racionalizado e superado: só desta forma é que as pessoas ou os povos alcançaram extraordinários objectivos.

Passado o tempo de reclamarmos pela liberdade formal e exterior, não será esta a altura de descobrirmos que ela se conquista essencialmente de dentro para fora de nós?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    João Távora

    03.02.09

    Bem observado Ana. Estamos só no principio da nossa existência! :-)
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Pesquisar

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Publicidade

    Comentários recentes

    Links

    _EM DESTAQUE

    _RISCOS ASSUMIDOS

    Arquivo

      1. 2019
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2016
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2015
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2014
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2013
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2012
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2011
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2010
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2009
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2008
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D