Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

Risco Contínuo

Estrada dos bravos, blog dos livres

21
Jan09

Distraídos com a América e as facetas nobres da política, inscrevamos, no entanto, uma notinha portuguesa no dia 20 de Janeiro: o senhor governador do Banco de Portugal (aquele que fez com o seu correlegionário Sócrates a brincadeira do logro do défice - dizer em Fevereiro que se nada se fizesse durante todo o ano o défice ia para 6,5% - o qual permitiu a Sócrates afinal subir todos os impostos como prometera que baixava) disse neste dia que as últimas indicações indicavam que os indicadores indicados pelo governo socialista no último orçamento (seja, o mais recente deles, aquele que rectificou o de há 2 meses em que se previa crescimento que deu em recessão, que era porém a recessão menos grave da Europa, antes de a Comissão Europeia prever que será a pior e mais longa) afinal precisam de ser rectificados, porque o crescimento que afinal é recessão, afinal é recessão maior ainda (mais dívida, mais défice, mais desemprego, mais atraso).

Perguntar retoricamente: temos ou não temos um grande timoneiro? Temos ou não temos um exemplo de segurança e rigor no senhor ministro das Finanças?

Subaverbamento: rir durante 5 minutos, de um riso amargo porém comiserador, do senhor director da Lusa que há semanas, a bem do governo,  pressionava a redacção para não usar o termo «estagnação», quem nos dera.

Averbamento ao subaverbamento: sugerir que orgãos de comunicação social como a Lusa - ou a RTP, ou o DN, ou a Visão, ou a SIC - passem a chamar-se OCC, como Orgão de Comunicação de Confiança.

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Publicidade

Comentários recentes

Links

_EM DESTAQUE

_RISCOS ASSUMIDOS

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D